Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

A PREOCUPAÇÃO DO GOVERNO COM A INDÚSTRIA 4.0

Deve ser lançado no próximo mês de março um pacote do Governo Federal para acelerar a entrada do país na era da indústria 4.0.  Trabalha-se, a princípio,  com esse foco para cinco setores da economia, são eles – o agronegócio, o automotivo, o têxtil, o setor de defesa,  e o setor de saúde relacionado a equipamentos médicos.

Já, representantes  das industriais, indicam que por questões de competitividade do nosso parque manufatureiro com o que temos hoje em cenário mundial, pelo menos  14 setores deveriam ser acompanhados de perto, e mencionam entre eles o farmoquímico e farmaceutico, químico, minerais não metálicos, couro e calçados. Esses representantes alertam, também,  para a importância das pequenas e médias industrias na cadeia produtiva, pois as grandes industrias, em muitos processos, são dependentes das pequenas e médias, e essa política ou pacote em análise não pode deixar as mesmas de lado.

O Governo trabalha com propostas relacionadas a facilitiação de linhas de créditos através de bancos públicos, contribuição em infraestrutura básica como energia e telecomunicações e apoio a transformação digital relacionada aos processos de manufatura. A industria 4.0 tem o seu alicerce na incorporação de novas tecnologias e na modernização dos processos industriais. A incorporação nesses processos da chamada intereligencia  artificial, impressão 3D, computação em nuvem e da internet das coisas aplicada ao chão de fábrica, são  um aceno de como será a industria em futuro próximo.

Em nosso informativo de 06/11/2017 tratamos da Revolução 4.0  na industria.

0 visualização

© 2020 por Grupo Bahia & Associados

  • LinkedIn Social Icon