Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

A SITUAÇÃO DA ARGENTINA

A atual crise econômica na Argentina afeta os seus parceiros do Mercosul e particularmente com relação ao Brasil, tem impacto nas exportações.

Uruguai e Paraguai também tentam distanciar o seus setores de exportação das operações com a Argentina considerando a atual crise econômica no país vizinho.

Para contornar essa crise, o Governo Argentino, lançou na ultima semana pacote econômico para conquistar investidores e credores internacionais, de forma que eles deem um voto de confianças às medidas propostas.

Considerando que a desvalorização do peso (moeda Argentina) favorece o mercado exportador lá do local, um dos itens do pacote é a criação de imposto sobre a exportação, sendo ele de alíquota fixa equivalente a quatro pesos por dólar exportado quanto a produtos primários, e a três pesos por dólar exportado para os demais produtos e serviços. Outra medida parte desse pacote relacionado a impostos, tem vinculação com o aumento de receita do imposto sobre a propriedade, e do imposto sobre os ingressos, benefícios e ganhos de capital.

A desvalorização do peso em relação ao dólar, é o principal motivo da crise forçando as empresas e o governo a buscarem formas de honrarem suas dívidas com base nessa moeda. O não honrar os compromissos é ponto negativo perante os credores e investidores o que impacta diretamente os investimentos planejados para o país, a solução proposta passa, entre outros pontos, pelo aumento de tributação em alguns setores e para algumas operações.

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

© 2020 por Grupo Bahia & Associados

  • LinkedIn Social Icon