top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

AGENDA DE CONCILIAÇÃO

Novos Presidentes da Câmara e do Senado buscam junto ao Ministério da Economia, a criação de uma agenda de consenso para dar assistência a população menos favorecida, sendo o caminho para isso um suporte mais efetiva para quem deixou de receber o auxílio emergencial. A proposta é buscar uma alternativa dentro dos limites da responsabilidade fiscal, e as negociações caminham nesse sentido.

A dinâmica apresentada às negociações está relacionada a compatibilizar a necessidade de assistência social com a manutenção de responsabilidade fiscal, ou seja, o respeito ao teto de gastos, e para isso, a volta do auxílio emergencial não está descartada, estuda-se como isso ocorrerá dentro dos limites que hoje o limite de gastos impõe ao Governo. Cortes ou reduções terão que ser realizadas para que haja recursos para esse atendimento aos menos favorecidos.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A NOVELA DA DESONERAÇÃO

Com efeitos imediatos, o  ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cristiano Zanin, atendeu a solicitação  do governo e do Congresso Nacional, suspendendo  por 60 dias a liminar que havia derrubado

PREÇO DE TRANSFERENCIA

Questão interessante chegou ao Judiciário. Uma empresa de São Paulo, obteve liminar na Justiça Federal, para não aplicar em suas operações, as novas regras de preço de transferência (transfer price).

コメント


bottom of page