top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

ALTERAÇÕES DO PIS E NA COFINS – SETOR DE SERVIÇOS ESTA ATENTO

O projeto de simplificação do PIS e da Cofins, parte do que se chama de reforma tributária, traz na proposta o fim do regime cumulativo da apuração e recolhimento dessas contribuições (PIS = 0,65% e Cofins = 3%) enquadrando-se todas as empresas no regime não cumulativo (PIS = 1,65% e Cofins – 7,6%). O setor de serviços questiona a proposta tendo em vista a ausência de operações nas quais teria direito a créditos dessas contribuições pelas aquisições que realiza (insumos para a realização de sua atividade fim).

A Receita Federal, diz estudar proposta para não penalizar o setor. Vamos aguardar as mudanças para podermos analisar os seus impactos.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

PIS - COFINS E O ICMS-ST

A 1ª Seção do Superior Tribunal de Justiça – STJ,  por decisão unânime, em julgamento de recurso repetitivo, ou seja, com decisão base para instancias inferiores do Judiciário, entendeu pelo não aprov

AUTODECLARAÇÃO DE ORIGEM

Conforme mencionamos em informe anterior  (NOVO REGIME DE ORIGEM – MERCOSUL), os membros desse mercado comum,  decidam por adotar o método de comprovação de origem identificado como autodeclaração _ a

NOVO REGIME DE ORIGEM - MERCOSUL

O Decreto de número 12058/24, tratou do 218º Protocolo Adicional ao Acordo de Complementação Econômica número 18 do MERCOSUL,  firmado entre Brasil, Argentina, Paraguai, e Uruguai. Esse Protocolo Adic

Comentários


bottom of page