Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

ARRECADAÇÃO FEDERAL

O crescimento da arrecadação federal é um dos fatores que indica a retomada da economia. Houve crescimento real da arrecadação no mês de julho/2021 em percentual de 22,3% em comparação ao mesmo período do ano anterior.


A Receita Federal indica que a arrecadação poderia ser melhor caso não houvesse, também, o aumento das compensações tributárias.


Na avaliação do Ministério da Economia o aumento da arrecadação pode ser visto como um avalizador de momento ideal para a reforma tributária, tendo em vista que as receitas primárias permitem reduzir, de forma significativa, o déficit primário agora em 2021, e abre a perspectiva de superavit para 2022.


O recolhimento de impostos e contribuições federais esta em R$ 270 bilhões acima da expectativa do Governo.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tema sensível para as empresas que realizam operações de comércio exterior tem relação com o preço de transferência. O envolvimento da questão não é somente de ordem fiscal e tributária, mas também,

Tema sensível para as empresas que realizam operações de comércio exterior tem relação com o preço de transferência. O envolvimento da questão não é somente de ordem fiscal e tributária, mas também,