top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

BENEFÍCIOS DO ICMS E O IRPJ E A CSLL (III)

Em nossos informativos de 26/abril/23, 27/abril/23, 28/04/23 tratamos do assunto em questão, enfatizando a decisão do STJ – Superior Tribunal de Justiça quanto a legalidade de benefícios do ICMS concedidos pelos Estados a empresas, basicamente enquadradas no lucro real, relacionados a redução do imposto a recolher serem, base de cálculo do IRPJ e da CSLL, estava com aplicação barrada tendo em vista medida cautelar do STF – Supremo Tribunal Federal que suspendia os efeitos da decisão do STJ. Mencionamos que aguardava-se posicionamentos dos Ministros do STF, que provavelmente, indicariam a derrubada da medida cautelar que foi concedida pelo Ministro André Mendonça, fazendo valer, assim, a decisão do STJ.


Hoje, o Ministro André Mendonça, derrubou sua própria decisão liminar fazendo valer o posicionamento do STJ sobre a questão.

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

PIS - COFINS E O ICMS-ST

A 1ª Seção do Superior Tribunal de Justiça – STJ,  por decisão unânime, em julgamento de recurso repetitivo, ou seja, com decisão base para instancias inferiores do Judiciário, entendeu pelo não aprov

AUTODECLARAÇÃO DE ORIGEM

Conforme mencionamos em informe anterior  (NOVO REGIME DE ORIGEM – MERCOSUL), os membros desse mercado comum,  decidam por adotar o método de comprovação de origem identificado como autodeclaração _ a

NOVO REGIME DE ORIGEM - MERCOSUL

O Decreto de número 12058/24, tratou do 218º Protocolo Adicional ao Acordo de Complementação Econômica número 18 do MERCOSUL,  firmado entre Brasil, Argentina, Paraguai, e Uruguai. Esse Protocolo Adic

Commentaires


bottom of page