Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

CAMELÓDROMO VIRTUAL

Ações da Receita Federal estão sendo destinadas a suportar a edição de Medida Provisória que objetivará combater o chamado “camelódromo virtual”.


Essa qualificação é utilizada para identificar plataformas estrangeiras de comércio eletrônico que importam para fornecimento local mercadorias falsificadas, ou, praticam a importação sem o devido pagamento de impostos.


O não pagamento de impostos esta associado a subvalorização do produto, ou, a indicação não correta realizada pelas empresas distribuidoras locais hospedadas nesses sites quando a mercadoria, nessa fase da operação, ser destinada a pessoa física, o que não é fato, pois a destinação para elas (pessoas físicas) ocorrerá somente em momento seguinte na operação. Essas duas ações - subvalorização do item e indicação de destino não correto para o mesmo – possibilitam o não pagamento de impostos no desembaraço aduaneiro.


Grandes varejistas, industrias, e representações locais de ambos, assim como Órgãos do Governo, trabalham em normas que possam evitar as operações comerciais através desses “camelódromos virtuais”.


Em nosso informativo de 13/fevereiro/21 tratamos desse tema.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Atenção para o tratamento referente a créditos de PIS e COFINS referente a aquisição de diesel, querosene de aviação, gás de cozinha e biodiesel A redação original do artigo 9º da Lei Complementar de

Informação publicada no gov.br notícias. Governo Federal anuncia nova redução de 10% no Imposto de Importação de bens comercializados Medida abrange 6.195 códigos da Nomenclatura Comum do Mercosul (NC

A Instrução Normativa RFB de número 2082/2022 prorrogou os prazos de entregas de ECD - Escrituração Contábil Digital, e ECF - Escrituração Contábil Fiscal para as informações referente a 2021. Os novo