top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

COMITÊ DE IMPOSTOS

Atualizado: 14 de jan. de 2022

Uma das inciativas do Grupo Bahia Associados junto aos seus clientes, buscando a equalização de conhecimento e a atualização de assuntos que possam impactar as operações das empresas, está relacionado ao “COMITÊ DE IMPOSTOS”.


Esse Comitê é operacionalizado em reuniões, atualmente realizadas por intermédio de videochamadas, com abordagens de no máximo duas horas, nas quais são tratados assuntos relacionados as questões de naturezas fiscais-tributárias, contábeis, financeiras, de RH, de governança, de controladoria, de orçamento, de fluxo de caixa, de processos e procedimentos, e vários outros temas que o Grupo Bahia Associados abordou em treinamentos específicos durante o ano anterior.


Realizamos essas atividades do COMITÊ DE IMPOSTOS, nesse formato de abordagens rápidas sobre temas diversos, até o final do mês de março.


Divulgaremos na próxima semana, os temas que farão parte desse Comitê, agora, em 2022. Caso a empresa cliente, não identifique nessa lista algum assunto que julgue importante, é possível sugerir a inclusão do mesmo na lista para que possamos abordá-lo atendendo à sua necessidade.


A participação das empresas clientes ocorre de forma exclusiva sem limite de participantes, ou seja, naquele determinado horário da videochamada teremos a participação de uma empresa com a quantidade de participantes que ela julgar importante para o tema.


Antes da pandemia essas reuniões do COMITÊ DE IMPOSTOS eram realizados nas instalações da empresa, ou em nossas instalações, para atendimento ao cliente, atualmente por meio através de videoconferência...


Com a divulgação dos temas, também teremos o início do agendamento para a realização das videoconferências do COMITÊ DE IMPOSTOS.

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

PIS - COFINS E O ICMS-ST

A 1ª Seção do Superior Tribunal de Justiça – STJ,  por decisão unânime, em julgamento de recurso repetitivo, ou seja, com decisão base para instancias inferiores do Judiciário, entendeu pelo não aprov

AUTODECLARAÇÃO DE ORIGEM

Conforme mencionamos em informe anterior  (NOVO REGIME DE ORIGEM – MERCOSUL), os membros desse mercado comum,  decidam por adotar o método de comprovação de origem identificado como autodeclaração _ a

NOVO REGIME DE ORIGEM - MERCOSUL

O Decreto de número 12058/24, tratou do 218º Protocolo Adicional ao Acordo de Complementação Econômica número 18 do MERCOSUL,  firmado entre Brasil, Argentina, Paraguai, e Uruguai. Esse Protocolo Adic

Comments


bottom of page