Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

COMO PLANEJAR E ORÇAR COM TANTAS VARIÁVEIS

As empresas enfrentam mais um desafio. O “vai e vem” do mercado e da economia com tantas ações que refletem inciativas desastradas, ou não, mal programadas, ou não, para enfrentar a atual crise sanitária. Devemos, ou não devemos fechar, podemos ou não podemos abrir, são ações que repercutem, em momentos diferentes, mas repercutem, as dificuldades para os setores de comércio, serviços, e indústria.


Os efeitos em termos operacionais são facilmente notados com a escassez de insumos produtivos, a escassez de embalagens, as dificuldades de abastecimentos, o aumento de custos, o atraso em honrar compromissos, inclusive os financeiros e tributários, e outras situações que impactam a rentabilidade e a lucratividade dos negócios.


Como planejar e orçar de forma consistente e segura nessa situação? Agilidade e versatilidade são qualidades que atualmente necessitam estar contidas nessas atividades (planejamento e orçamento). Prever alternativas operacionais, de forma a valorizá-las e analisadas detalhadamente sendo elas parte do plano de ação. Alternativas de verticalização industrial, com investimentos temporários na forma de OPEX, ou, horizontalização industrial com parceiros-fornecedores pré avaliados e homologados nos padrões de qualidade da empresa? Somente acompanharmos a evolução dos custos, ou, ajudarmos o fornecedor, principalmente os desprovidos de posição mercadológica e melhor situação financeira a negociar o preço, quantidade e prazo de entrega do insumo? E se comprarmos os insumos e solicitarmos a entrega do mesmo ao fornecedor, adquirindo dele somente o serviço de industrialização? E se em termos comerciais procurarmos explorar o e_Commerce, ou o uso de um MarketPlace? O atendimento a domicílio é uma alternativa? São essas e várias outras situações que hoje necessitam ser contempladas quando se busca projetar operações e seus resultados financeiros.


O momento atual faz com que os planejamentos e os orçamentos, desde os mais simples até os mais robustos, sejam revistos se possível mensalmente, ou no menor espaço de tempo possível, com pontos de alertas bem claros e definidos, com ações pré analisadas e bem estudadas para mudanças imediatas de rumos dentro do que o planejamento e orçamento preveem. Um outro ponto interessante é a capacidade de ousar dentro de limites predefinidos, buscando alternativas consistentes e que tenham sinergia junto a operação.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O PESO DO FRETE MARÍTIMO

A Agencia das Nações Unidas para o Comércio e o Desenvolvimento (UNCTAD) alertou para o risco da recuperação da economia mundial, considerando a alta das tarifas de frete marítimo. A questão consider

SONEGAÇÃO NO PAÍS

A Receita Federal esta em fase final de trabalho que vai indicar o tamanho da ausência de recolhimento de PIS e Cofins em determinado período. Esse estudo esta sendo preparado há mais de um ano, com m

DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou a proposta de prorrogação da desoneração da folha de pagamento até o final de 2023. A prorrogação atinge os 17 setores já co