top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

Contrato Temporário de Trabalho

Na próxima terça feira (01/07/2014) entra em vigor as determinações da Portaria do Ministério do Trabalho de n° 789/2014 que amplia para nove meses  o limite máximo para a contratação de profissionais para o trabalho temporário, diagnosis mas considerando a substituição de funcionários efetivos da empresa. A legislação que tratado do assunto (Lei n° 6019/74), determina que o trabalho temporário entre o colaborador e a empresa pode ser de até três com exceção de situações autorizadas pelo Ministério do Trabalho. A determinação anterior do Ministério era a ampliação por mais três meses. Basicamente são duas situações que preveem esta contratação temporária. A primeira delas falar em aumento pontual e/ou extraordinário de trabalho e a segunda fala em substituição temporária de trabalhador regular, como é o caso pro exemplo afastamento por acidente. Importante considerar que a abordagem acima é diferente da possibilidade de contratação de trabalho com base em contrato por tempo determinado (parágrafo 2° do art. 443 da CLT), período máximo de dois anos, quando há previsão de demandas adicionais de trabalho. Também uma das características desta contratação esta relacionada a obrigatoriedade de um intermediário, uma empresa de trabalho temporário,  que tem a vinculação com o colaborador. Trata-se de um contrato que envolve três partes. Estas agencias precisam estar cadastradas no Sistema de Registro de Empresas de Trabalho Temporário.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

REHIDRO

REHIDRO é o Regime Especial de Incentivos para a Produção de Hidrogênio de Baixa Emissão de Carbono, que concederá  em termos de beneficio fiscal,  crédito da CSLL para dedução de outros tributos fede

ASSUNTO PARA MANTER NO RADAR

Proposta de aumento da CSLL. O Governo Federal, tem como proposta para compensar  a manutenção da desoneração da folha de pagamento, o aumento da CSLL, aumento esse que seria aplicado com base em um g

Comments


bottom of page