Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

CONVENÇÃO BRASIL E SUIÇA PARA EVITAR A DUPLA TRIBUTAÇÃO

Em 03 de maio de 2018 foi assinada a Convenção Brasil e Suíça para eliminar a dupla tributação referente a tributos sobre a renda, e também para prevenir a evasão e a elisão fiscal. O objetivo da convenção é garantir maior segurança jurídica no que se refere as relações comerciais e financeiras entre os dois países, buscando com isso estimular os investimentos entre as duas nações.

O parlamento Suíço aprovou no início deste mês de março/19 o texto da convenção. No Brasil o texto não foi se quer encaminhado para a avaliação do Congresso.

Os dois países já tem acordos complementares assinados para evitar a elisão fiscal (assinado em 2015), e para evitar a troca automática de informações fiscais (assinado em 2016). A Convenção para evitar a dupla tributação reforça o direcionamento comum dos dois países para controle do fluxo financeiro de investimentos. A Suíça é o sexto países  em termos de investimento no Brasil com aproximadamente US$ 22 bilhões. Esses tratados objetivam apresentar  instrumentos de controle bem como fortalecer e dar segurança aos investidores. Precisamos, agora, aprovar essa Convenção no Congresso Nacional.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Mais um tema que irá trazer apreensão ao mercado e principalmente aos profissionais da área de saúde e a instituições que atuam na área. A Lei de número 14434/2022 definiu um piso mensal de salário na

Em nosso informativo de 31/julho/2022 tratamos da publicação do Decreto de numero 11158/2022 que trouxe alterações a TIPI (tabela de incidência do IPI) quanto as alíquotas desse imposto. Comentamos qu

O Senado Federal aprovou a Medida Provisória de numero 1108/22 que trata, entre outros temas, do teletrabalho e da jornada de trabalho reduzida nos casos de calamidade pública. A diferença entre essa