top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

CREDITO DE PIS E COFINS – POSSIBILIDADES DE CRÉDITOS - TERCEIRIZAÇÃO

A Solução do Divergência da COSIT - Coordenação-Geral de Tributação – de número 29/2017, esclareceu a possibilidade credito do PIS e da Cofins para as empresas enquadradas no regime não cumulativo das duas contribuições, quando da contratação de mão de obra temporária (terceirização de mão de obra) para as atividades relacionadas diretamente a produção dos bens destinados a venda pela empresa ou destinadas a prestação de serviços que a empresa realize para terceiros.

O conceito aplicado a essa contratação, classifica a mesma como insumo, ou seja, a contratação de empresa de trabalho temporário para disponibilizar mão de obra diretamente relacionada a produção ou a prestação de serviços que se tornem, posteriormente,  receitas operacionais da empresa, poderão ter a apropriação de crédito de PIS e Cofins sobre os valores pagos por essas contratações.

Não havia consenso de regiões da Receita Federal sobre esse tema, mas a publicação da Solução de Divergência consolida o entendimento sobre a possibilidade de crédito.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

MAIS SOBRE A REFORMA TRIBUTÁRIA

A conclusão a que se está chegando, quanto a proposta de alocar produtos a cesta básica nacional, produtos esses que terão alíquota zero do IVA (CBS + IBS), e principalmente, com foco na carne, é que

INFLAÇÃO

As projeções de inflação para 2024 e 2025, revistas pelo Ministério da Fazenda, indicam aumento de percentuais. Para 2024 a estimativa era de 3,7% e agora é de 3,9%, e para 2025 a estimativa era de 3,

SINAL POSITIVO NA ECONOMIA

A informação do Ministro da Fazenda, de que haverá, em termos orçamentários, com vistas a atender  o arcabouço fiscal, o bloqueio de R$ 11,2 bilhões, e o contingenciamento de R$ 3,8 bilhões do orçamen

Comentarios


bottom of page