top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

EXECUÇÃO FISCAL - CONTADOR

O STF – Supremo Tribunal Federal decidiu, por unanimidade, que os contadores não podem ser incluídos em execuções fiscais que venham a ser movidas contra empresas que sejam suas clientes, ou com as quais tenham vinculação laboral.


A questão básica teve como foco de análise de dispositivo, que desde 2001 consta no Código Tributário do Estado de Goiás, e que permite a inclusão do contador nos autos de infração lavrados pelo Fisco Estadual contra empresas, desde que comprovada a fraude ou o dolo, mas a inclusão estava ocorrendo indiscriminadamente, sem observar esses precedentes.


O julgamento estava associada a muita apreensão do mercado, pois essa linha de análise, podia trazer a baila outros profissionais que assessoram, ou, de alguma forma participaram do planejamento e da estratégia do negócio das empresas, ou seja, eles poderiam ser chamados ao mesmo tratamento de solidariedade.


O STF se manifestou no sentido que o Código Tributário Nacional já traz as hipóteses de responsabilidade de terceiros, em matéria tributária, de forma que o Estado extrapolou sua competência legislativa ao tratar do assunto e dar a ele outro entendimento.

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

MAIS SOBRE A REFORMA TRIBUTÁRIA

A conclusão a que se está chegando, quanto a proposta de alocar produtos a cesta básica nacional, produtos esses que terão alíquota zero do IVA (CBS + IBS), e principalmente, com foco na carne, é que

INFLAÇÃO

As projeções de inflação para 2024 e 2025, revistas pelo Ministério da Fazenda, indicam aumento de percentuais. Para 2024 a estimativa era de 3,7% e agora é de 3,9%, e para 2025 a estimativa era de 3,

SINAL POSITIVO NA ECONOMIA

A informação do Ministro da Fazenda, de que haverá, em termos orçamentários, com vistas a atender  o arcabouço fiscal, o bloqueio de R$ 11,2 bilhões, e o contingenciamento de R$ 3,8 bilhões do orçamen

Comments


bottom of page