Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

NOVA LEI DE FALENCIA

Ponto de atenção na nova Lei de Falência que entrou em vigor recentemente (23 de janeiro de 2021) é a possibilidade do Fisco, seja na esfera Federal, Estadual, ou Municipal, solicitar a falência de empresa em recuperação judicial que descumpra parcelamento, ou, acordo fiscal para a quitação de tributos.

Importante esse alerta pois a possibilidade comentada se aplicada, também, aos casos, que sejam identificados como esvaziamento patrimonial, ou seja, ações de devedores quanto a “esconder” ou “desviar” patrimônio que poderiam ser requisitados como garantia da pendencia financeira com o Fisco.


Na aprovação da Lei artigos que poderiam trazer alivio fiscal-tributário ao contribuinte foram vetados, e a justificativa, que parece ser a tradicional, indica o veto pela renuncia de receita que as propostas causariam sem a indicação para cancelamento ou eliminação de despesas em montante equivalente, ou seja, violação a Lei de Responsabilidade Fiscal.


As empresas devem estar atentas a esse assunto.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

POSSIBILIDADE DE UM NOVO REFIS

Discute-se no Legislativo Federal, a proposta de um novo programa de refinanciamento de dívidas tributárias (REFIS). A proposta original é do Senado que sugere uma graduação para a concessão do refin

PRESERVAÇÃO DOS BENEFÍCIOS DA LEI DE INFORMÁTICA

Em marco/2021 o Congresso promulgou a PEC (Proposta de Emenda a Constituição) de numero 186/2019 que permitiu ao Governo, pagar, em 2021 o auxilio emergencial no montante de R$ 44 bilhões focando os m