top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

TAXA DE CAPATAZIA

O Governo estuda retirar a taxa de capatazia da base de cálculo do imposto de importação.


Essa taxa, de acordo com estudos, encarece o imposto de importação em pelo menos 1,5%, sendo um custo considerável para os importadores. A redução nos gastos de desembaraço aduaneiro também será favorável para fortalecer a diretriz de abertura comercial de forma a trazer a tarifa media de importação de 13%¨para uma redução de pelo menos seis pontos percentuais. Neste momento, a retirada da capatazias da base de calculo do imposto de importação é ferramenta com resultado mais rápido do que a redução de alíquotas de imposto de importação que mereceria aval dos outros membros do Mercosul.


A questão que traz, na contrapartida, uma proposta de redução de arrecadação nas importações, tem apoio da Receita Federal, que via de regra, não apoia medidas de redução de carga tributária, sendo esse um dos motivos pelos quais se deduz que a alteração estará em vigor no início de janeiro de 2021.

28 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

REFORMA TRIBUTÁRIA

Temos realizado comentários quanto a questão relacionada a proposta original da reforma tributária de não aumento de carga tributária, e as análises atuais, que indicam, essa proposta não será cumprid

VAREJO

As vendas no varejo cresceram em abril, mas com crescimento abaixo do esperado. Apesar disso houve, também, a identificação  de busca ao alcance da meta considerando o aquecimento do mercado de trabal

1 Comment


LUIS GRIGOLON
LUIS GRIGOLON
Dec 15, 2020

O que o Governo deveria desconsiderar da base de cálculo dos impostos, são os valores de frete internacional.


As variações nos últimos meses foi gritante. Como exemplo o frete aéreo de Hong Kong para Guarulhos/Viracopos passou de 7,65 para 13,50 e já houve época que cobravam USD 24,00 o quilo de carga.


O transporte marítimo de Shangai para Santos, saiu de USD 850,00 para USD 5.500,00 por container em novembro/dezembro.


Ou seja, o importador recolhe impostos sobre frete internacional que flutua mensalmente e absurdamente, e ainda mais, sobre ele paga ainda Adicional de Renovação da Marinha Mercante, que representa 25% do valor dos mesmos em reais.


Quanto tudo isso representa no custo final do produto ao consumidor final?

Like
bottom of page