Buscar
  • Grupo Bahia & Associados

A IMPORTANCIA DA ESTRATÉGIA INDUSTRIAL E DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO

A informação é que nos anos 1980 o Brasil produzia 55% dos insumos farmacêuticos que consumia. Era um caminho rápido para a auto suficiência.

Obviamente essa situação tinha um preço, com forte variável baseada na necessidade de investimentos desse ramo da indústria, fazendo parte dessa estratégia o investimento em pesquisa, desenvolvimento e inovação.


Porém, na época a análise quanto ao custo de produção, ou seja, aonde era menos custosa a manufatura desses itens, indicou a China e a Índia como países que apresentavam menor custo para fabricação desses produtos.


Assim a produção local de medicamentos, aos poucos foi migrando para locais de custos industriais mais acessíveis, e logicamente mais rentáveis para as empresas.

Outro ponto que também foi essencial naquele momento foi a abertura comercial que reduziu o custo de importação, de forma a conduzir as empresas locais a buscarem a competitividade com os produtos lá de fora, mas isso não foi possível para muitas delas, nossa manufatura era cara, e o nosso desenvolvimento patinava.


Dessa forma tivemos um retrocesso nessa indústria, de maneira a ficarmos dependentes daqueles países para onde a produção foi transferida. Essa dependência, imaginava-se, seria somente em termos de produção, pois o desenvolvimento, a pesquisa e a inovação não migrariam junto com a manufatura, mas houve aqui mais um engano. Esses países receberam a manufatura com base no seu baixo custo de produção, mas investiram em desenvolvimento, muita pesquisa, e competente inovação.


A situação hoje é clara. Produzimos somente 5% dos insumos farmacêuticos que consumimos, e vivenciamos a expectativa para que haja fornecimento por esses países , esperava-se somente teriam o custo barato da produção, para que nos forneçam matéria prima para podermos ter a produção nacional de vacinas para enfrentar a pandemia que ai está.


Esse é um exemplo importante para identificarmos como a indústria, a pesquisa e o desenvolvimento devem estar sempre juntos.


Esse fato ocorrido com a indústria farmacêutica, nitidamente, esta ocorrendo ou poderá ocorrer com outras modalidades de indústria. É torcer para mais alguns anos ai pela frente não olharmos para traz e novamente identificarmos que quase éramos autossuficientes, e passamos a ser totalmente dependentes.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A Instrução Normativa RFB de número 2082/2022 prorrogou os prazos de entregas de ECD - Escrituração Contábil Digital, e ECF - Escrituração Contábil Fiscal para as informações referente a 2021. Os novo

O Secretário Especial da Receita Federal do Brasil, anunciou hoje (18/maio/22) em evento patrocinado pelo CFC – Conselho Federal de Contabilidade, que a entrega da ECD – Escrituração Contabil Digital

Está em estudo na Câmara do Deputados em Brasília, uma proposta cujo objetivo é reduzir o custo das empresas para o atendimento das chamadas obrigações acessórias de natureza fiscal e tributária nos