top of page
Buscar
  • Foto do escritorGrupo Bahia & Associados

REGRA FISCAL E JUROS

Uma nova regra fiscal para o controle de gastos públicos, ou, como chamam, um novo arcabouço fiscal, é importante mas, como comentado pelo Banco Central, essa nova regra não tem relação mecânica, ou, direta com a convergência da inflação.


O COPOM – Comitê de Política Monetária – do Banco Central em ata da sua última reunião, na qual foi mantida a taxa SELIC em 13,75% ao ano, indicou que o controle da inflação necessita de serenidade e paciência.


Entendemos o COPOM que pede serenidade e paciência, entendemos o Governo Federal que faz pressão para redução da taxa de juros, mas nos parece, temos um choque de credibilidade, ou seja, o mercado e a população precisam de convicção e evidencias que a taxa de juros vai começar a reduzir, que as contas públicas estão sob controle, assim como a inflação também está. Somente serenidade e paciência podem não adiantar e podem acabar, assim como somente ver pressão ocorrer, sem resultado prático também pode não ser positivo.

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

REFORMA TRIBUTÁRIA

Temos realizado comentários quanto a questão relacionada a proposta original da reforma tributária de não aumento de carga tributária, e as análises atuais, que indicam, essa proposta não será cumprid

VAREJO

As vendas no varejo cresceram em abril, mas com crescimento abaixo do esperado. Apesar disso houve, também, a identificação  de busca ao alcance da meta considerando o aquecimento do mercado de trabal

Comments


bottom of page